Aula Aberta – 11 de Setembro de 2015, Prof. Doutor Mendo Henriques

by Filosofia na Católica

A Filosofia na Católica convida todos os interessados a assistirem

à Aula de Abertura do Ano Lectivo de 2015-2016.

O tema desta Aula Aberta é surpresa – a escolha foi deixada ao critério do Prof. Doutor Mendo Henriques, pelo que nem mesmo a Área Científica de Filosofia sabe o que vai ser tratado.

Data: 11 de Setembro (sexta-feira)

Hora: das 19h00 às 20h30

Local: Sala 423 (Edifício da Biblioteca Universitária João Paulo II – 2º piso)

Entrada Livre

A UCP dispõe de estacionamento (pago) para visitantes.

Contamos com a sua presença!

Nota Curricular (cf. http://www.fch.lisboa.ucp.pt)

mendo_henriquesMendo Henriques, é Professor da Faculdade de Ciências Humanas e membro da Direção do CEFi, da Universidade Católica Portuguesa.

Licenciado e Mestre em Filosofia pela Universidade de Lisboa e Doutor em Filosofia Política e Universidade Católica. Frequentou estágios de pré-doutoramento na Universidade de Munique, RFA e Stanford University, EUA. Tem o Curso de Defesa Nacional, do IDN, e Curso de Alta Direção, do INA. Foi professor do Quadro do Ensino Secundário; Bolseiro do INIC para Mestrado e Doutoramento; Assessor e Diretor do Departamento de Investigação do Instituto da Defesa Nacional.

Entre os cargos na sociedade civil, é atualmente presidente da Instituto da Democracia Portuguesa, associação cívica fundada em 2007, na sequência do livro e manifesto sobre O Erro da Ota. É, desde 25 de novembro de 2014, membro da Comissão Executiva do Prémio General António Ramalho Eanes.

É autor, co-autor e organizador de monografias em várias áreas de especialidade.

2013 – Olá, Consciência!, Lisboa, Objectiva; 2012 – História das Ideias Políticas de Eric Voegelin, vol I, II e III, S. Paulo, É Realizações; 2012 – Plano C – O Combate da Cidadania, Lisboa Bertrand; 2011 – Bernard Lonergan, Insight. Um ensaio sobre o Conhecimento Humano, É Realizações, S.Paulo; 2010 – Vencer ou Morrer, Lisboa, Objectiva; 2010 – Bernard Lonergan; uma filosofia para o séc. 21, S. Paulo, É Realizações; 2010 – A Filosofia Civil de Eric Voegelin, 3ª edição, S. Paulo, É Realizações; 2009 – Vitória e Pirenéus, 1813, Lisboa, Tribuna da História, 2009; 2009 – A Filosofia Política de Eric Voegelin, livro e vídeo livro, S. Paulo; 2008- Dossier Regicídio; o processo desaparecido, Lisboa, Tribuna da História; 2007 – O Erro da Ota- Coordenador, Tribuna da História; 2006 – Dom Duarte e a Democracia, Lisboa, Bertrand; 2006 – Educação para a cidadania – saber & inovar; 2006 – Security and Migrations in the Mediterranean, IOS Press, Amsterdam; 2005 – Panorama da cidadania, edição em quatro línguas, Paris; 1999- Educação para a Cidadania, Lisboa, Plátano; 1999 – Bem Comum dos Portugueses, Lisboa, Vega; 1994 – A Filosofia Civil de Eric Voegelin, Lisboa, UC Editora; 1987 – Bibliografia Filosófica Portuguesa, Lisboa, Verbo ; 1985- As Coerências de Fernando Pessoa, Lisboa, Verbo.

Foi diretor da Revista Portugueses e diretor da Colecção Batalhas de Portugal, na editora Tribuna. Colaborador das editoras Bertrand, Verbo, Ática, UC Editora, Vega/Século XXI, IOS Press. Selecções Reader’s Digest, Objectiva, É Realizações; é autor das revistas Nação e Defesa, Brotéria, Communio, Portugueses, Reflexão Cristã, Noesis, Jornal do Exército. Artigos e entrevistas em jornais Euronotícias, Público, Diário de Notícias, Visão e Correio da Manhã, Diário do Sul.

É sócio correspondente da Academia Lusíada de Ciências, Letras e Artes, (S. Paulo), Membro da American Political Science Association, (Washington, EUA), do Eric Voegelin Archiv, (Munique, RFA), e da Sociedade Científica da UCP, (Lisboa). Entre as distinções recebidas conta a Medalha de Prata de Serviços Distintos, 2006; Comenda da Ordem de Nª Sr.ª da Conceição, 2005; Prémio Luís de Almeida Braga – Fundação Calouste Gulbenkian, 1989.

Anúncios